quinta-feira, 8 de março de 2012

O que é arte sacra para você? - Tonny Cavalcante

Apresentamos uma definição pessoal de Arte Sacra
 Com a palavra Tonny Cavalcante*:

Desde pequeno, sempre tive um olhar muito apaixonado pela arte sacra, ficava encantado com a exuberância das cores, dos movimentos das peças que, para mim, só faltavam abrir a boca e falar, de tão perfeitas que são. Na verdade, mesmo calada, a arte sacra consegue gritar nos corações daqueles que são sensíveis às coisas de Deus. Tive a oportunidade de nascer e crescer em um ambiente que me estimulava a contemplar a beleza da arte sacra, o Recôncavo Bahiano, lugar agraciado de belas igrejas e de um rico patrimônio artístico e cultural.
 A arte sempre foi um caminho que me conduziu, e continua me conduzindo a um encontro com Deus, através de fortes experiências de oração e renovação da vida espiritual. Por isso, a nossa Igreja sempre foi incentivadora das belas artes. Pois a arte nos eleva para aquilo que está sendo representado por ela e, posso dizer, com toda certeza, que a arte é um meio de transporte.
Quando contemplamos uma pintura, com uma bela paisagem praieira, quase que sentimos a brisa do mar no nosso rosto, a figura nos convida a um refrescante mergulho, a nossa imaginação nos transporta para aquele lugar e, sem tirarmos os pés do chão, viajamos na imaginação. Por isso a arte sacra é tão importante e diferenciada das demais artes, porque, muito além de nos elevar para um lugar, ela nos eleva para os lugares espirituais, ela nos conduz a uma experiência profunda com o próprio Deus.
A arte sacra é o verdadeiro sinal das coisas do alto. Quantas vezes, ao entrar em uma igreja e contemplar um lindo teto, um belo altar, tive a sensação de estar no céu e de fazer parte daquele divino cenário. Essa arte sagrada tem um poder sobrenatural de nos arrancar do chão e nos elevar a Deus, acontece uma exaltação ao sentimento que nos envolve emocionalmente, ela mexe com todos os nossos sentidos e nos ajuda a abrir o coração para Deus. 
Para mim, a arte sacra é o Evangelho em forma de arte, pois ela tem a missão de representar as verdades da fé com a melhor fidelidade possível, transmitindo-nos os ensinamentos bíblicos. Ela é uma arte que está a serviço da liturgia e, ao mesmo tempo, tem a finalidade e a responsabilidade de simbolizar as coisas do alto, o perfeito e o maravilhoso, porque Deus é maravilhoso. E sendo Ele o próprio Criador, é o maior amante da beleza, e o mais exigente e perfeito dos escultores, dos pintores e de todos os demais artistas, merece ser simbolizado e expressado pela arte com toda dignidade, magnitude e esplendor possível. Por isso a arte sacra tem a obrigação, ou melhor, a missão de revelar a beleza do Criador e nos transportar para o céu, através de um olhar transfigurado por essa revelação.

Perguntado sobre uma imagem sacra que o impressionava, ele nos presenteia com a belíssima Nossa Senhora da Fé:



Imagem vinda de Portugal, no século XVII, em madeira policromada e dourada. A virgem está de pé sobre peanha que figura o orbe celeste ao qual estão sobrepostos querubins e 3 anjos. Um deles usa venda nos olhos, simbolizando a total entrega que exige a fé. (A fé é cega); outro apresenta um livro aberto onde se lê “Tota pulchra es MARIA” e o terceiro deles usa a tiara pontifícia.
Esta imagem encontra-se na Sacristia da Catedral Basílica da cidade do Salvador.


*Tonny Cavalcante, é seminarista na arquidiocese de Salvador, curso o 2º ano de teologia.

Um comentário:

  1. Belíssima imagem!!!! Merece maior divulgação!!!!
    Grata pela matéria publicada.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...